Barbara Williams

Círculo de Paixões

still-of-kathy-baker-billy-crudup-and-joaquin-phoenix-in-inventing-the-abbotts-large-picture-246341569

Foi uma surpresa agradável encontrar este filme após dar uma zapeada pelas opções que o Netflix me oferecia ontem pela manhã. Ver Joaquin Phoenix e Liv Tyler contracenando juntos em um filme de 1997 despertou a minha curiosidade, e deixar o sono um pouco de lado valeu muito a pena.

Ignore o título brasileiro preguiçoso, este não é um filme apenas sobre paixões, mas sobre a vida de uma maneira geral. É sobre a passagem do tempo na vida de uma pequena família do interior dos Estados Unidos, sobre as paixões da adolescência que perduram com o passar dos anos, e na dificuldade de escolher um caminho e deixar todo o seu mundo para trás.

O diretor do filme é Pat O’Connor, mais conhecido por ter realizado Doce Novembro (2001). Ele realiza um trabalho muito simples aqui, mas memorável. Joaquin Phoenix e Liv Tyler, como já mencionados anteriormente, transformam em arte uma pequena história do filme. No elenco ainda estão Jennifer Connelly, estonteante, e Billy Crudup desempenhando uma grande atuação.

Círculo de Paixões é um filme charmoso e que prende a atenção por contar muito bem uma história, por não se prender em um romance barato e explorar questões familiares de uma maneira sutil e profunda. Valeu a pena para mim pelo menos, que deixei de lado um hiato de 5 meses para vir aqui falar sobre ele.

inventing_the_abbotts

Círculo de Paixões (Inventing the Abbotts). EUA 1997. Direção de Pat O’Connor. Com Joaquin Phoenix, Liv Tyler, Billy Crudup, Will Patton, Kathy Baker, Jennifer Connelly, Joanna Going, Barbara Williams.

NC: 7     NP: 7     IMDB: Círculo de Paixões 

Por: Ricardo Lubisco

Anúncios